Regina Gouveia (1945)

/ 881 leituras
Contava começar a escrever esta mensagem logo após a minha chegada  do Brasil, em Dezembro passado, fazendo uma descrição mais ou menos pormenorizada de algumas visitas que fiz. 9. Há...

Helder Pacheco (1937)

/ 1910 leituras
Mantenho viva a recordação das Galerias Lumière. E, em primeiro lugar, do cinema. Dos cinemas (que lhe deram nome) e dos filmes que neles vi. Tantos, que nem recordo os nomes. Mas ficará par...

Rui Manuel Amaral (1973)

/ 1633 leituras
Habituei-me a imaginar que o Manuel Resende sobreviveria a tudo. Em 2017, esteve hospitalizado durante semanas em estado muito grave. Alguns amigos temeram perdê-lo. A verdade é que voltou d...

Manuel Andrade (1969)

/ 712 leituras
Tendo acabado de ver o filme “Os dois Papas” do meu amigo Fernando Meirelles, tomou conta de mim um silêncio que me inundou duas ou três horas, cinco talvez, eu sei lá, como numa lenta cheia...

Hélder Magalhães (1982)

/ 148 leituras
Gostava de dizer-lhe o tanto que gostava dela. Primeiro teria que estreitar o espaço que os distanciava. Ele sentava-se na mesa do canto ao fundo do café a observar-lhe os gestos; ela ficava...

Anabela Borges (1970)

/ 2303 leituras
E é isso que me faz percorrer, seguir e não desistir do rumo dos caminhos e dos tempos, para onde quer que eles me levem ❤️ Obrigada a todos, pelo calor pela simpatia pelos afectos. Muitos ...

Júlio Roldão (1953)

/ 1019 leituras
Estou a ficar velho. Ontem, até fiquei preso à televisão a ver o concurso que Vasco Palmeirim apresenta na RTP 1. A ver esse tal concurso chamado "joker" e a resmungar alto... Ontem até cite...

Manuel Vitorino

/ 1765 leituras
No âmbito das Jornadas Europeias do Património uma visita surpreendente aos bastidores do Teatro Nacional São João (TNSJ) um dos mais belos teatros da Europa, onde o barroco relembra os gran...

Francisco Duarte Mangas (1960)

/ 844 leituras
aos jornalistas pé-de-microfone, que esta tarde cobriram o comício de andré ventura com polícias, lembro um provérbio espanhol: "cria corvos, eles comer-te-ao os olhos". → § 9. Certas ...

Mário Cláudio (1941)

/ 1234 leituras
Nada. Eu não espero nada. Quando se começou a esboçar a ideia de celebrar os meus 50 anos de vida literária, disse logo às pessoas que estavam envolvidas que não iria participar em nada. E t...

Arsénio Mota (1930)

/ 1152 leituras
Domingo passado, dia 22, estive com a Armanda Passos, ainda convalescente, na Reitoria da UP, onde decorre a exposição-homenagem - 75 pinturas recentes. A iniciativa é da própria Reitori...

Jorge Palinhos (1977)

/ 1101 leituras
A Confeitaria Serrana é um espaço lindíssimo, que tem dos melhores bolos do Porto a preços acessíveis, simpatia interminável, e onde se cruzam turistas, viajantes, operários, comerciante...

Antonio García Teijeiro (1952)

/ 471 leituras
Na tarde de onte, 26 de setembro, no auditorio do edificio de Humanidades da Universidade de Tennessee en Martin, Antonio García Teijeiro, presentado por Antón García-Fernández, ditou unha c...

Armando Requeixo (1971)

/ 434 leituras
"O sentido da miña vida, o que eu máis desexo é que me queiran". Velaí a confidencia que onte nos facía o profesor e crítico Luís Alonso Girgado na grande homenaxe que lle celebramos no Pazo...

Tabuleta Digital

Vai no Batalha

Manuel Pizarro (1964)

TEMOS uma posição na fachada atlântica altamente privilegiada para nos podermos afirmar como dos grandes players europeus do sector das pescas. Mas não basta. Temos de trabalhar em medidas e instrumentos que tornem esta atividade mais atrativa.

Maxilar deslocado

Desde que os humanos investem nas suas cabanas e abrigos pouco primitivos, têm vindo a aumentar e a diversificar-se o número de próteses domésticas que tornam os espaços habitáveis, confortáveis e usáveis para os mais diversos e inesperados fins.

Enigmatógrafo

Enigmatógrafo de Augusto Baptista

/ 579 leituras
Antes de haver telemóvel, como é que as pessoas incomunicavam?