Teo – o cão pastor (396)

/ 40 leituras
Publicado por Lina & Nando

Humor ao alto (XCII)

/ 64 leituras
Publicado por Augusto Baptista in azul-canário e in Opus 4, edição da Associação dos Jornalistas e Homens de Letras do Porto, outubro de 2014, página 268

Teo – o cão pastor (394)

/ 56 leituras
Publicado por Lina & Nando

Humor ao alto (XCI)

/ 72 leituras
Publicado por Augusto Baptista in azul-canário e in Opus 4, edição da Associação dos Jornalistas e Homens de Letras do Porto, outubro de 2014, página 357

Teo – o cão pastor (395)

/ 85 leituras
Publicado por Lina & Nando

Humor ao alto (XC)

/ 90 leituras
Publicado por Augusto Baptista in azul-canário e in Opus 4, edição da Associação dos Jornalistas e Homens de Letras do Porto, outubro de 2014, página 361

Humor ao alto (LXXXIX)

/ 153 leituras
Publicado por Augusto Baptista in azul-canário. 

Teo – o cão pastor (392)

/ 163 leituras
Publicado por Lina & Nando

Humor ao alto (LXXXVIII)

/ 139 leituras
Publicado por Augusto Baptista in azul-canário e in Opus 4, edição da Associação dos Jornalistas e Homens de Letras do Porto, outubro de 2014, página 255

Teo – o cão pastor (391)

/ 144 leituras
Publicado por Lina & Nando

Humor ao alto (LXXXVII)

/ 128 leituras
Publicado por Augusto Baptista in azul-canário e in Opus 4, edição da Associação dos Jornalistas e Homens de Letras do Porto, outubro de 2014, página 287

Teo – o cão pastor (390)

/ 132 leituras
Publicado por Lina & Nando

Humor ao alto (LXXXVI)

/ 123 leituras
Publicado por Augusto Baptista in azul-canário e in Opus 4, edição da Associação dos Jornalistas e Homens de Letras do Porto, outubro de 2014, página 250.

Teo – o cão pastor (389)

/ 113 leituras
Publicado por Lina & Nando

Tabuleta Digital

Sete Perguntas

Vai no Batalha

Rui Rio (1957)

“Sabe quanto ganha um professor em topo de carreira?”, perguntou a um jornalista, para responder logo de seguida: “À roda de três mil euros por mês.”

Rua da Estrada de tudo que aparece

“TEM-se empregado a photographia para representar tudo o que existe sob o sol que nos ilumina (…): ela é maravilhosa na traducção dos aspectos da terra, do mar e do ceu; ella propaga as obras do genio, ou sejam em marmore ou em pintura ou sejam esses maravilhosos monumentos edificados pelos ousados architectos de remotas eras. Ella é o auxilio do commerciante que anuncia os seus produtos; vem em socorro do astronomo para a representação dos astros; fórça a electricidade a escrever, e isto tudo de tal modo que até agora nada se lhe pôde comparar.” É tal qual. Juntando a fotografia e a Rua da...

Enigmatógrafo

Enigmatógrafo de Augusto Baptista

/ 686 leituras
Adão tinha mau hálito?