PALAVRAS VIVAS XIV

/ 614 leituras
MEMÓRIA descritiva: PARTIR: o IR separa-se do resto da palavra e sai fora da caixa; FECHAR: o R roda 90º no sentido dos ponteiros do relógio; ESTICAR: o espaço entre as letras vai cr...

PALAVRAS VIVAS II

/ 587 leituras
MEMÓRIA descritiva: BÚSSOLA: a palavra roda em sentido contrário ao dos ponteiros do relógio, ficando apontada para nordeste. GÉMEOS: saem todas as letras exceto os dois E que ficam ...

PALAVRAS VIVAS I

/ 672 leituras
MEMÓRIA descritiva: CILINDRO: o O passa a círculo com um ponto branco no interior, depois passa por cima das restantes letras e estas ficam numa linha; ESPAÇO: entre o P e o A abre-s...

PALAVRAS VIVAS IV

/ 656 leituras
MEMÓRIA descritiva: PRETO: depois de escrita a palavra o fundo fica de cor preta; CADEIRA: Saem todas as letras exceto o R, cuja cara desaparece, ficando a parte restante da letra (p...

PALAVRAS VIVAS V

/ 708 leituras
MEMÓRIA descritiva: TRANSPARENTE: depois de escrita a palavra ela fica de cor cinzenta igual ao fundo; ÓCULOS: o U+L+S saem e ficam só O+C+O, sendo que o C roda 90º, formando a imagem ...

PALAVRAS VIVAS VI

/ 626 leituras
MEMÓRIA descritiva: CAFÉ: o E passa a ter quatro acentos, primeiro agudo, depois grave, agudo e por fim grave, apagando-se e acendendo-se de baixo para cima; PONTO: saem PONT, e o in...

PALAVRAS VIVAS VII

/ 647 leituras
MEMÓRIA descritiva: VÍRGULA: o acento agudo voa por cima da palavra até assentar ao lado do A (parecido com FIM); CRUZ: o Z transforma-se em X; METADE: depois de escrita toda a palav...

PALAVRAS VIVAS VIII

/ 636 leituras
MEMÓRIA descritiva: COPO: o primeiro O desce para debaixo do P que perde a cabeça e fica só com a haste, enquanto o C, rodando 90º em sentido contrário ao dos ponteiros do relógio, c...

PALAVRAS VIVAS XXV da AGITAR e do Centro Social da Sé

/ 773 leituras
MEMÓRIA descritiva: APRENDER: ao contrário do habitual, a palavra aparece de imediato e na sua totalidade, mas desfocada, indo progressivamente ganhando nitidez; BENGALA: saem as let...

PALAVRAS VIVAS XXIV da AGITAR e do Centro Social da Sé

/ 869 leituras
MEMÓRIA descritiva: APOIAR: depois de escrita a palavra, as letras afastam-se umas das outras, após uma pequena pausa, juntam-se novamente ficando muito próximas; ENVELHECER: sai o m...

PALAVRAS VIVAS XVI

/ 649 leituras
MEMÓRIA descritiva: CÃO menos DONO é igual a VADIO; CASAMENTO a dividir por DESILUSÃO é igual a DIVÓRCIO com resto DOR; CORRER a multiplicar por HORAS é igual a MARATONA; RIO mais BA...

PALAVRAS VIVAS XVIII

/ 755 leituras
MEMÓRIA descritiva: ACORDAR: o A e o C sobem para cima do O; AJOELHAR: depois de escrita a palavra o segundo A passa para debaixo do R, o H para debaixo do A, o L para debaixo do H e...

PALAVRAS VIVAS XIX

/ 667 leituras
MEMÓRIA descritiva: ABADE: a barriga inferior do B cresce; FISSURA: desaparece um dos S; CÉLERE: depois de escrita a palavra esta sai muito rapidamente pelo lado direito da caixa; DE...

PALAVRAS VIVAS XX

/ 691 leituras
MEMÓRIA descritiva: ADORMECER: primeiro apaga-se o A, depois a DOR, a seguir o ME e por fim o CER(1) ; FUGIR: cada uma das letras foge para seu lado; MERGULHAR: a palavra inclina-se ...

Tabuleta Digital

Vai no Batalha

Bragança Fernandes (1948)

Nenhum governo ajudou na luta contra as portagens e ainda hoje mantenho a crítica. Na altura chamava-os de pórticos cor-de-rosa. Não tivemos o mesmo tratamento que outros municípios. Fomos mal tratados.

Rua da Estrada do Mercado da Arte

APESAR de ser acrílico sobre tela, a arte das valetas pode não ser o género mais apreciado nos meios críticos e comerciais do campo da arte. Ainda que muitos se lembrem que em Paris, nas margens do distintíssimo rio Sena, desde há muito que havia muita arte e artista de rua e de domingo que podia passar para os salões da arte das altas culturas, a verdade é que a N15 não passa em Paris. É pena. Têm mais sorte os rabiscos nas paredes a que chamam graffitis, mesmo que lhes falhe completamente a estética e a política; a primeira, de tão vulgares e desinteressantes que são; a segunda, por lhe f...

Enigmatógrafo

Enigmatógrafo de Augusto Baptista

/ 430 leituras
Quem petisca vai na isca ou prefere patanisca?