Outubro

/ 51 leituras
Por Leonor Machado publicado in FACEBOOK

Setembro

/ 54 leituras
Por Maria Mónica

Ideias despenteadas (13)

/ 437 leituras
- Chegou a altura de tirar estas ideias da cabeça. (Calendário: setembro) Por Catarina Gomes (1983, Águas Santas, Maia), designer de comunicação e ilustradora freelancer, publicado in htt...

Uvas

/ 782 leituras
Por Maria Eduarda Carvalho, natural de Esmoriz, nascida em 1941. Estudou no Porto e vive em Paranhos. Antes da reforma era professora do 1.º ciclo do Ensino Básico. Frequenta a Universidade ...

Setembro

/ 8 leituras
Por Leonor Machado publicado in FACEBOOK

Agosto

/ 73 leituras
Por Maria Mónica

Girassol

/ 1080 leituras
Por Josita Oliveira, natural de V. N. de Famalicão, nasceu em 1949. Exerceu a profissão de contabilista e reside no Porto.

Julho

/ 78 leituras
Por Maria Mónica

Peixe

/ 505 leituras
Por Olga Bonito, natural do Porto. Professora primária reformada. Frequentou a Universidade Sénior do Porto - Agitar.

Verão

/ 534 leituras
Gosto do cheiro a sargaço inserto na palavra; outras vezes é a sua sombra que procuro. Texto de Francisco Duarte Mangas e ilustração de Renata Carneiro. SOBRE O AUTOR: Francisco ...

Ideias despenteadas (12)

/ 462 leituras
– Tenho de refrescar as ideias. (Calendário: julho) Por Catarina Gomes (1983, Águas Santas, Maia), designer de comunicação e ilustradora freelancer, publicado in http://ideiasdespenteadas...

Julho

/ 12 leituras
Por Leonor Machado publicado in FACEBOOK

Junho

/ 128 leituras
Por Maria Mónica

Ideias despenteadas (11)

/ 443 leituras
– É dia de martelar as ideias dos outros. (Calendário: junho) Por Catarina Gomes (1983, Águas Santas, Maia), designer de comunicação e ilustradora freelancer, publicado in http://ideiasde...

Tabuleta Digital

Vai no Batalha

Rui Rio (1957)

As pessoas que durante um ano e tal andaram a procurar destruir o partido, a destruir a minha liderança, a destruir a direção nacional, fizeram tudo o que estava ao seu alcance para isso, e chegar à última da hora [para] aparecer e dizer que dão um grande apoio é uma situação hipócrita.

Rota das Pirâmides

O EXÓTICO é um desejo; uma máquina de sedução; um domínio geo-semântico que designa um território imenso e quente, desconfinado, longínquo e incerto onde existem coisas estereotipadas, espécie de adereços e ambiências como o cheiro das especiarias, as trovoadas tropicais, as araras, as odaliscas, as palmeiras, os batuques, os camelos, e as pirâmides, por exemplo. O exotismo alimenta-se da nostalgia, do espaço e do tempo, como memória de uma idade de ouro em paragens remotas e tempos perdidos. Depois de Napoleão ter regressado a França após a Batalha das Pirâmides e se terem difundido as his...

Enigmatógrafo

Enigmatógrafo de Augusto Baptista

/ 504 leituras
Quem cobre todas as propostas evita resfriados?