(Manuel António Pina)

/ 6860 leituras
A palavra «amor», por exemplo, não precisa de ser pronunciada para significar, e (como se temesse mostrar-se) revela-se quase sempre sob a forma de outras palavras ou silêncio. Palavras que nos dizem in Jornal de Notícias de 21 de dezembro de 2005