Ao desafio com Clemente Padin

/ 755 leituras
CLEMENTE Padin nasceu em Lascano, Rocha e aos quatro anos de idade mudou-se para Montevideo (cidades do Uruguai), onde continua a viver. É docente e ARTISTA (com maiúsculas) nas áreas da poe...

Ao desafio com Rui Manuel Amaral

/ 966 leituras
CANSADOS de esperar pela publicação de novos contos de Rui Manuel Amaral (diz que não escreve microcontos!), fomos desafiá-lo a falar sobre algumas histórias já dadas à estampa (Caravana e D...

Ao desafio com João Manuel Ribeiro

/ 806 leituras
OS poemas de João Manuel Ribeiro que compõem o livro “Amo-te” andaram na sacola e no coração de muitos alunos, que os leram, releram e teceram observações e comentários de vária índole com o...

Ao desafio com Teo: o cão de raça imaculada

/ 512 leituras
TEO não é um cão qualquer. Tem presença assídua no mundo da internet onde debita (o verbo seria ladra?) pensamentos entre molduras (serão equivalentes a aspas?). É um cão que se importa com ...

Ao desafio com Domingos Loureiro

/ 702 leituras
A PROPÓSITO da exposição “Em Direção ao Azul”, que revela parte da investigação que Domingos Loureiro está a desenvolver no âmbito do Doutoramento, desafiamos o autor a verbalizar a técnica ...

Ao desafio com Emerenciano

/ 446 leituras
EMERENCIANO não se considera simplesmente um artista plástico, menos um pintor de arte. Diz que carrega a possibilidade das palavras, o que o levou, em 1998, a uma atrevida candidatura ao ma...

Ao desafio com João Pedro Mésseder

/ 848 leituras
DEPOIS de lermos o “Pequeno Livro das Coisas” (Editorial Caminho) ficamos com tanta curiosidade sobre as coisas que quisemos fazer várias perguntas a João Pedro Mésseder. Enviámos-lhe dez qu...

Ao desafio com Carlos Bonaparte

/ 322 leituras
CARLOS Bonaparte é cego de nascença. O desafio que lhe propusemos foi o de verbalizar sentimentos decorrentes da sua condição de cego. As respostas são sinceras, esclarecidas e, às vezes, in...

Ao desafio com Álvaro Domingues

/ 1159 leituras
TODOS conhecem e frequentam a Rua da Estrada. Todos, de um modo ou de outro, contribuíram ou contribuem para a materialização e consolidação da Rua da Estrada. Ela sempre fez parte da nossa ...

Ao desafio com Fernando Aguiar

/ 1212 leituras
O MAIS internacional dos poetas visuais portugueses da atualidade, Fernando Aguiar, aceitou o nosso desafio em contrapor ou reiterar afirmações e versos seus entretanto publicados. Das respo...

Ao desafio com Antero de Alda

/ 758 leituras
ANTERO de Alda nasceu em 1961. Publicou memória de hibakusha (1986) e O Século C.N.A. (1999). É um dos principais autores de poesia visual portuguesa, com E.M. de Melo e Castro, Ana Hatherly...

Ao desafio com Inês Lourenço

/ 832 leituras
PERCORREMOS a obra publicada de Inês Lourenço de trás para frente e da frente para trás, desde Coisas que nunca, Logros Consentidos, passando por Câmara Escura e pela Disfunção Lírica, à pro...

Ao desafio com Paulo Stocker

/ 680 leituras
PAULO Stocker, ou melhor, Clovis Paulo Stocker além de artista plástico, cartunista, muralista (diferente de moralista) e ilustrador é também cidadão, catarinense, paulista, pai, marido, cic...

Ao desafio com Francisco Duarte Mangas

/ 733 leituras
PORQUE as ideias são como as cerejas, a propósito da publicação de “A fome apátrida das Aves”, desafiamos Francisco Duarte Mangas a atirar sobre lebres perguntas. A caçada foi rica e variada...

Tabuleta Digital

Vai no Batalha

Eduardo Vítor Rodrigues (1971)

ASSOCIAMOS algum deste trabalho a uma relação forte com as unidades de pediatria e obstetrícia do Hospital de Gaia. Além do aspeto social, temos uma missão de caráter estratégico que visa a sustentabilidade dos nascimentos em Gaia.

Rua da Estrada da Terra com Identidade

NESTE lugar onde se é bem-vindo apesar de não se perceber o nome que lhe puseram, informa-se que estamos numa Terra com Identidade. Está escrito mas não é o que parece: do asfalto aos eucaliptos, dos sinais de trânsito ao edifício-montra vazio, das casas ao poste de iluminação ou à cruzeta dos fios que cruzam o céu, tudo é do mais genérico que se possa imaginar. Não é grave. Identidade é um conceito caótico onde cabe tudo justificado com múltiplo argumentário. Como categoria social, identidade aplica-se a um grupo de gente com determinados atributos, características, normas de conduta, r...

Enigmatógrafo

Enigmatógrafo de Augusto Baptista

/ 36 leituras
Quantas gargalhadas por litro tem uma bebida espirituosa?