COMPARTILHAR
Inicio Dicioporto Oração do pav...

Oração do pavão por Carmen Bernos de Gasztold

Oração do pavão por Carmen Bernos de Gasztold

0
99

Um comboio real,
Senhor,
mais cintilante
do que esmalte cravejado de joias.
Olhai,
agora abro-me numa roda.
Devo dizer que estou
muito satisfeito
com a minha boa aparência.
As minhas penas
estão cheias de olhos
que se admiram a si próprios.
É verdade,
que o meu grito dissonante
me envergonha um pouco –
e isso é humilhante
para me fazer lembrar
do meu pobre coração.
O Vosso mundo não está bem feito,
se me permitais dizer:
a voz do rouxinol
em mim
é que estaria bem vestida –
e acalmaria a minha alma.
Senhor,
que chegue o dia,
um dia celestial,
em que o meu interior e o meu exterior
se reconciliem
em perfeita harmonia.

tradução de PML

Partilha

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here