COMPARTILHAR

Rumor

Rumor

0
84

A realidade é caprichosa. Disse rumor, e não queria. Escasseou arte para meter o aguaceiro dentro de uma palavra.
Rumor é exígua casa insegura, incapaz de beber o aguaceiro. E eu pretendia guardar numa palavra melodiosa a voz da chuva. Numa única palavra: e, quem lesse, ouvisse esta noite.

Francisco Duarte Mangas in A morte do Dali, Editorial Teorema, janeiro de 2001, pág. 110

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here