Avião de papel por João Pedro Mésseder

/ 2545 leituras
– Mais low cost do que eu não há. Por João Pedro Mésseder Se sabe ou desconfia o que o PAPEL-PENSANTE pensa sobre certos objetos ou sobre certas situações envie-nos esse pensam...

Papagaio de papel por Teresa Guedes

/ 1652 leituras
Voo Voo sem parar, Mas se o vento se zanga e pára, abrando…, abrando…, desço…, desço… e caio c 00a 0000i 000000o 0000000000d 0000000000000e 000000000000000v 00000000000000000a ...

Mica de plástico por PML

/ 1547 leituras
MEMÓRIA descritiva: sobre três micas de plástico está aposto: PAPEL-PENSANTE e a exclamação – O teu zelo sufoca-me! da autoria de PML § Se sabe ou desconfia o que o PAPEL-PENSANTE pensa so...

Dama de copas por César Augusto Romão

/ 1453 leituras
MEMÓRIA descritiva: sobre uma carta de dama de copas está aposto: PAPEL-PENSANTE e a observação – Ganhei e perdi tantas vezes na vida, que já gasta e depois de passar por várias mãos, virei ...

Papel selado por Francisco Duarte Mangas

/ 1345 leituras
MEMÓRIA descritiva: sobre uma folha de papel selado está aposto: PAPEL-PENSANTE e o texto –  Parente remoto do papel cavalinho. da autoria de Francisco Duarte Mangas.

Folha de papel por Carlos Oliveira

/ 1261 leituras
- Sou o vagaroso estrume do poema. Por Carlos Oliveira, in A leve têmpera do vento, seleção e nota de João Pedro Mésseder, edições Quasi, Novembro 2001, página 103. Se sabe ou ...

Papel de mortalha por João Pedro Mésseder

/ 1131 leituras
 MEMÓRIA descritiva: sobre um conjunto de cigarros está aposto: PAPEL-PENSANTE e a observação – Não serei eu a amortalhar o fumador, mas sempre vou amortalhando a bala. da autoria de João Pe...

Revolta do papel selado

/ 1119 leituras
LEMBRAM-SE do papel selado? Daquelas folhas azuis, pautadas, com o selo na parte superior e que era de uso obriga­tório para requerimentos, exposições, petições, etc? O que muita gente não d...

Folha de jornal por João Pedro Mésseder

/ 949 leituras
MEMÓRIA descritiva: sobre a primeira página do jornal Correio do Porto de 1820 está aposto: PAPEL-PENSANTE e a observação – Quando arrastada pelo vento sou uma velha medusa sem desejos. insp...

Fotografia por Rabindranath Tagore

/ 912 leituras
- Uma memória da luz guardada pela sombra. * - A memory of light treasured by the shadow. Tradução para português de Joaquim. M. Palma publicado na obra A asa e a luz, edição Assírio &...

Selo branco por PML

/ 909 leituras
MEMÓRIA descritiva: sobre um carimbo de selo branco está aposto: PAPEL-PENSANTE e a exclamação – Dás-me relevo! da autoria de PML

Olhos por Almada Negreiros

/ 904 leituras
- Os olhos são para ver e o que os olhos veem só o desenho o sabe. Por Almada Negreiros publicado no autorretrato. Se sabe ou desconfia o que o PAPEL-PENSANTE pensa sobre certos objeto...

Tree by João Pedro Mésseder and Monika Mori

/ 829 leituras
- Tem a forma de uma árvore. Chama-se mãe. * – She has the shape of a tree. Her name is mother. Texto de João Pedro Mésseder, publicado in Versos com Reversos, Editorial Caminho, 1998, ...

Papel por Firmo

/ 762 leituras
- Todos temos um papel Por Firmo Se sabe ou desconfia o que o PAPEL-PENSANTE pensa sobre certos objetos ou sobre certas situações envie-nos esse pensamento para geral.correiodo...

Tabuleta Digital

Vai no Batalha

Rui Moreira (1956)

Se houver cuidado e proteção está-se a contribuir para uma concorrência leal. Os bons empresários estão interessados neste acordo porque a concorrência mais desleal é aquela que descuida a segurança e a proteção dos trabalhadores.

Rua da Estrada de Atenas

ANDAVAM os antepassados da Angela Merkel nas cavernas por entre ursos e outras barbaridades, quando Péricles edificava Atenas antes das guerras do Peloponeso.  Era assim o mundo, aos encontrões, como sempre. Depois de edificar a Acrópole verificou-se que custava muito lá subir e muito ventosa. De íngreme que era e de caminhos mal empedrados, as quadrigas patinavam e viravam-se de rodas e pernas para cima. Então, depois de muitos séculos prodigiosos, conseguiu-se finalmente domesticar os cavalos de uma maneira diferente de modo a que coubessem às dezenas e às centenas nos motores dos automóv...

Enigmatógrafo

Enigmatógrafo de Augusto Baptista

/ 705 leituras
As chaves do Paraíso são Yale?