Onofre Varela: “O Homem Criou Deus”

/ 2055 leituras
“O HOMEM Criou Deus” é o título do novo livro de Onofre Varela, cartunista e ilustrador, que, no campo das letras, percorre caminhos do humor e do ensaio. Aparentemente diversos entre si, o ...

Porto em 14 gigapixéis por Paulo Bico

/ 657 leituras
É PAULO Bico que o diz porque, por mais voltas que dê, não encontra uma fotografia maior em Portugal do que a que tirou ao Porto. A fotografia tem 14 gigapixéis, uma máquina digital barata p...

A casa perfeita de Álvaro Siza Vieira, filho

/ 3108 leituras
ÁLVARO Leite Siza Vieira. O filho de um dos maiores nomes da arquitectura portuguesa também projecta casas de sonho com traço único e vanguardista. E não apenas para os outros - a Casa Fez é...

João Fonseca, 41 anos

/ 1332 leituras
TEM três profissões e “meia dúzia de cargos”, por isso a falta de tempo é uma constante. Mas é também por isso que os resultados saltam à vista. João Fonseca é médico alergologista, profe...

Galinhola (Scolopax rusticola) avistada no Estuário do Douro

/ 809 leituras
COM a presença, ontem, da Galinhola (Scolopax rusticola) na Reserva Natural Local do Estuário do Douro (RNLED) esta área protegida do Município de Vila Nova de Gaia atinge as 200 espécies de...

Nuno Araújo, 33 anos

/ 1595 leituras
NUNO Araújo tem 33 anos, natural de Rio Mau-Penafiel, e é Licenciado em Engenharia Mecânica pela Universidade do Minho. Exerceu Engenharia Mecânica em várias empresas do mesmo sector, tendo ...

Ida, Sé, Porto

/ 1034 leituras
NO Centro Histórico do Porto há doze anos, para onde veio viver depois de conhecer o marido, Ida sente-se em casa. Antes, vivera em Aldoar, no extremo noroeste do Porto, mas as recordações q...

Adélio Mendes, 47 anos

/ 1267 leituras
AGRADA-LHE a ideia de agarrar o destino com as próprias mãos, agradam-lhe os ensinamentos de Saint Exupéry e gosta de pensar que, um dia, poderá conseguir viajar até Marte. Seria um belo cen...

Patrícia Remelgado, 34 anos

/ 1219 leituras
DEIXAR entrar o espaço e as pessoas que estão dentro dele. É este um dos fascínios que se associam às viagens. É também esta uma inclinação de Patrícia Remelgado, que gosta de se aventurar n...

Ponte Dom Luis ou Luiz I?

/ 799 leituras
A 31 de Outubro de 1886 foi inaugurado oficialmente o tabuleiro superior da Ponte Luiz I, conhecida entre os portuenses como Ponte D. Luis. O tabuleiro inferior apenas foi inaugurado em 1887...

Rui Alberto cria Mini-Serralves em Jancido (Gondomar)

/ 1371 leituras
É UM museu a céu aberto, mas também galeria, ateliê, oficina/montagem de molduras para obras de arte e local de residência do pintor Rui Alberto, mentor de um projecto localizado em Jancido,...

À conversa com Manuel António Pina

/ 701 leituras
FOI uma hora e meia que passou rápido, acelerada pelo humor do escritor e pela poesia. Os três leitores que entrevistaram Manuel António Pina, escolhidos entre todos os que nos enviaram perg...

Pichoche e Keka, Sé, Porto

/ 638 leituras
A início, Keka parece sem grande disposição para falar. Pichoche brinca um pouco com a situação e, daí a pouco, o ambiente distende-se. Eventualmente, será Keka a suportar o grosso das despe...

Adriano Ribeiro, 86 anos

/ 847 leituras
MUITAS pessoas marcaram presença no lançamento do Livro "Súmula Poética" de Adriano Ribeiro, no Auditório de "A Celer" em Rebordosa, no passado dia 29 de Outubro. O rebordosense de 86 anos d...

Tabuleta Digital

Vai no Batalha

Eduardo Vítor Rodrigues (1971)

NÃO vamos licenciar novas construções. Vamos legalizar casas e empresas com histórico. São empresas consolidadas no território e também é uma forma de evitar que, por falta de uma licença, possam decidir abandonar Gaia e estabelecer-se em concelhos vizinhos, retirando de cá postos de trabalho.

Rua da Estrada do Futuro

ADIVINHAR o futuro ainda é para muitos uma espécie de bruxedo do antigamente. Consultava-se o mediador comunicante com o insondável para que ele nos antecipasse os nossos medos e esperanças; jogavam-se os dados e as cartas, observava-se o voo das aves, ouvia-se a voz da vidente, do oráculo, da sacerdotisa ou do feiticeiro em busca de interpretações, de enigmas premonitórios que sugeriam isto ou aquilo. O futuro é um tempo problemático. Cronos, o deus grego, tanto era entendido como uma divindade do tempo cíclico das colheitas – por isso era representado com uma gadanha que depois passou a s...

Enigmatógrafo

Enigmatógrafo de Augusto Baptista

/ 377 leituras
Bater no ceguinho dá cadeia?