Pádua Ramos (1931-2005) em livro

/ 853 leituras
O ARQUITECTO Pádua Ramos, que morreu em 2005, vai ser homenageado postumamente no Porto, esta terça-feira, através da edição de um livro, que se debruça também sobre as suas facetas de desig...

Ricardo Ladeiras Lopes, 24 anos

/ 2222 leituras
RICARDO Ladeiras Lopes, monitor do Departamento de Fisiologia e Cirurgia Cardiotorácica da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP), venceu o Prémio Daniel Serrão por ter sido o...

Benjamin, 26 anos

/ 525 leituras
BENJAMIN e Selam chegaram a Portugal há três meses e foram acolhidos pela Santa Casa da Misericórdia de Penafiel. Dizem-se felizes e entusiasmados com o começo de uma vida nova. Em Portug...

Jorge Pinto, 45 anos

/ 718 leituras
JORGE Pinto sabe o que é sentir na pele as dificuldades provocadas pela surdez, mas recusa-se a deixar-se definir pela sua condição. Aos obstáculos que surgem, responde com a determinação qu...

Erva-dos-burros

/ 231 leituras
AS autoestradas em redor do Porto (e noutras áreas de Portugal) apresentam nos seus taludes, desde Maio, povoamentos de uma planta que pode atingir 1 m a 1, 5 m de altura e tem abundantes fl...

O eco de Antero de Alda (1961-2018)

/ 299 leituras
FORMADO em artes plásticas pela Faculdade de Belas-Artes da Universidade do Porto. Mestre em Tecnologias Educativas pela Universidade do Minho. Viveu e trabalhou em Amarante até à sua morte ...

Estendais

/ 770 leituras
Em alguns Invernos mais chuvosos, em Miragaia que foi a Madragoa de Pedro Homem de Mello, o Douro salta a margem e entra pelos arcos onde se demora no rés-do-chão das casas, por duas ma...

Formoso Novo (1934)

/ 734 leituras
JOSÉ Formoso Novo nasceu na Póvoa de Varzim, em 1934. Fez a 4ª classe, casou aos 23 anos e é pai de sete filhos. O seu primeiro emprego foi na carpintaria de um tio: “trabalhei quinze dias. ...

Maria José Guimarães (1953)

/ 448 leituras
MARIA José Vieira Mendes Guimarães nasceu em 1953, em Marco de Canavezes. Aos 16 anos partiu com a família para Nova Iorque, onde se formou em Gestão e viveu mais de 40 anos. Até se aposenta...

Xavier Dias, 1962

/ 641 leituras
XAVIER Dias nasceu em Paradela, mas deixou a Trofa ainda jovem para cumprir o sonho como missionário. “São já 22 anos de vida sacerdotal e missionária, pouco menos de metade da minha vida. O...

À conversa com Manuel António Pina

/ 869 leituras
FOI uma hora e meia que passou rápido, acelerada pelo humor do escritor e pela poesia. Os três leitores que entrevistaram Manuel António Pina, escolhidos entre todos os que nos enviaram perg...

Anabela Freire

/ 669 leituras
NESTA edição continuamos a apresentar entrevistas feitas a ermesindenses que tenham algum tipo de atividade relacionada com a música. O propósito é o de dar voz a quem tem algo de importante...

Adélio Mendes, 53 anos

/ 689 leituras
COM o registo intelectual de mais de 20 inovações, Adélio Mendes é um dos investigadores nacionais de maior sucesso. Foi o responsável pela primeira cerveja sem álcool da Super Bock e o cria...

Ana Cristina Coelho, 29 anos

/ 683 leituras
AINDA não completou 30 anos, mas já tem um curriculum académico de fazer inveja. Ana Cristina Coelho é investigadora do Departamento de Biologia Experimental da Faculdade de Medicina da Univ...

Tabuleta Digital

Sete Perguntas

Vai no Batalha

Marco Martins (1978)

Considerando o pedido de vários colegas presidentes de Câmara, incluindo do próprio presidente da AMP, deixo a decisão de demissão para o coletivo na próxima reunião do Conselho Metropolitano, desde que me sejam dadas condições e carta-branca para trabalhar.

Rua da Estrada dos tempos que correm

NÃO ao rouvo" é uma expressão de correctíssima grafia segundo isso a que chamam o acordo ortográfico, que preconiza, entre outras coisas, que as palavras se devem escrever tal como são pronunciadas. Aqui trocam-se os bb pelos vv, como se sabe. O mais difícil de engolir não é isso. O mais difícil de engolir é este assado em que estamos metidos e que está bastante bem ilustrado na instalação exposta à beira da estrada: ainda há pouco tínhamos posses para ter um carrito com tudo a que tem direito, rodas, capota, assentos, motor, travões e o mais que é costume, e agora estamos reduzidos a um assen...

Enigmatógrafo

Enigmatógrafo de Augusto Baptista

/ 156 leituras
O mar alto mede quanto?