Livro(s)

/ 921 leituras
5. os livros, todos os livros expurgam vozes, vozes prensad...

Lareira

/ 591 leituras
Local purificador: o sol liberta-se da clausura da lenha. ...

Leito

/ 544 leituras
Cama enorme, com margens tortuosas, onde os rios nunca dorme...

Lágrima

/ 585 leituras
1. Breve é o mar na vida da lágrima que na te...

Lisboa

/ 983 leituras
1. …esta névoa onde começa a luz de Lisboa, rosa e limão...

Loureiro

/ 421 leituras
O loureiro ilude a ausência de sal na carne. Francisco Du...

Limão

/ 943 leituras
2. A chuva limpa os limoeiros da negrura parasita, colada n...

Lince

/ 687 leituras
1. Quando penso em ti só me lembro dos teus olhos. ...

Lesma

/ 565 leituras
Caracol sem abrigo.   Por Francisco Duarte Mangas...

Luminária

/ 527 leituras
Alimária cujos olhos (só os olhos) se acendem no escur...

Lobo

/ 603 leituras
lobo é vocábulo com medo de alguém lhe trocar as sílab...

Lua nova

/ 597 leituras
A Lua,                iluminada, volta                   ...

Lua

/ 871 leituras
3. Quanto mais nua mais bela é a lua Jorge Sousa Braga...

Lagartixa

/ 617 leituras
Sacerdotisa da seita de sangue frio. Adora o sol. &nbs...

Lavar

/ 530 leituras
No lavar é que está o banho.   Por João Pedro ...