Artigos na categoria Letra J

O jota era ocioso, alegre, jocoso até. Não gostava de trabalhar e descarregava uma parte substancial das suas tarefas no G, mas saía sempre bem no ret...

Música em forma de árvore, da qual os olhos não conseguem desviar-se. Nem os ouvidos. Por João Pedro Mésseder, in Palavras viageiras, Edições Xer...

1. Na lentidão de Janeiro fica mais longe a morte.   Por Inês Lourenço, in Câmara escura, um antologia, Língua morta, 2012, página 14...

1. Porta que os homens destinaram ao sol, quando abandonaram a vida nómada.   Por Francisco Duarte Mangas e João Pedro Mésseder, in Brev...

Dicionário de palavras coloridas e formosas.   Por João Pedro Mésseder, in Elucidário de Youkali seguido de Ordem Alfabética, Editorial ...

Rosnam as rosas que a flor do jarro é um cálice de gosto duvidoso.   Por João Pedro Mésseder, in Abrasivas, Deriva Editores, 2005, página 3...

O jardim zoológico é o único matadouro onde há tempo para aprender a morrer.   Por João Pedro Mésseder, in Abrasivas, Deriva Editores, 2005...

plantei os joelhos como uma enxada abandonada no chão   Por João Manuel Ribeiro in A circulação precoce dos relâmpagos, Cosmorama Edições, ...

Vai no Batalha

A VIDA política não pode ser um prémio, mas creio que mereço a confiança dos cidadãos e a oportunidade de demonstrar que o modelo seguido é sustentável e vale a pena ser prosseguido, beneficiando agora de cenário mais favorável.

Rua da Estrada

60 Leituras
NÃO é fácil estabelecer a cronologia completa destas ocorrências. Talvez o viaduto, altíssima obra de arte com um risco de luz ao meio, tenha sido a ú...

Enigmatógrafo

60 Leituras
Os escaravelhos também escaram os novos?

No slogan da campanha do CDU para as Autárquicas 2107 onde se lê "Confiança numa vida melhor" deve ler-se "Confiança numa vida melhor para os militantes comunistas"