1345
0
COMPARTILHAR
Inicio Typo O TYPO não ca...

O TYPO não cabe em si de contente

O TYPO não cabe em si de contente

0
1345

Nos dias de muito calor o TYPO não cabe em si de contente e aproveita para fazer surf sobre o próprio sorriso.

Desenho e texto de PML

NO PRINCÍPIO era o verbo, e o verbo estava com o signo, e o verbo era o signo. E assim continuou até hoje. De então para cá foram muitos e vários os signos criados pelo homem, sem contar com aqueles que se auto reproduziram. Entre a imensidão de significantes descobrimos o TYPO. Um personagem composto, ele próprio, por signos. Foi difícil encontrá-lo, mas agora que localizamos o seu espaço de expressão é nosso dever, em obediência aos mais elementares princípios do altruísmo cultural, torná-los públicos (o espaço e o TYPO), para que todos possam apreciar as possibilidades da conjugação do verbo com o signo. Ou será só do signo?

NOTA: a legendagem, do tipo telegráfica, será da nossa autoria e bloqueada a qualquer intervenção do TYPO.

§

Se presenciou outras expressões do TYPO pode enviar-nos essas descobertas para geral.correiodoporto@gmail.com para eventual publicação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here