1585
0
COMPARTILHAR

Uhn! Hã!

Uhn! Hã!

0
1585

NOTÍCIA: Polícia Judiciária detetou aguarelas falsas no início do verão e conseguiu identificar como suspeito um funcionário do Centro Materno Infantil do Norte, no Porto. Com três ou quatro euros, conseguia digitalizar, reproduzir e ampliar aguarelas do autor portuense Joaquim Costa, que depois vendia, no seu local de trabalho, a médicos e enfermeiros, como se fossem autênticas. Mas o falsário, de 50 anos, foi descoberto e constituído arguido pela PJ, que apreendeu 76 aguarelas falsas, no domicílio do suspeito e na própria unidade de saúde, onde também decorreram buscas. Homo Onomatopaico: Uhn! Hã!

§

Se sabe ou desconfia o que o HOMO ONOMATOPAICO pensa sobre certos acontecimentos do quotidiano pode enviar esse pensamento para geral.correiodoporto@gmail.com para eventual publicação.

Partilha

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here