196
0
COMPARTILHAR
Inicio Do outro mundo A perseguição...

A perseguição

A perseguição

0
196

Podem não acreditar
mas eu estou a ser perseguido

Mal saio da garagem
vejo uma gaivota à minha espera
No fundo do jardim
é um melro que olha para mim
Ao longo do quarteirão
uma pega-rabuda salta de telhado em telhado
à minha procura
Nos postes de iluminação da autoestrada
além das gaivotas são as pombas
a verem-me passar
Se paro numa área de serviço e vou à casa de banho
ouço pássaros a cantar
Num dos postes de iluminação do acesso à ponte
está sempre um falcão a vigiar-me a entrada
Ao atravessar a ponte
já é um corvo marinho que me olha lá de cima
No nó do Freixo
um milhafre descoberto pela queda das folhas
controla-me a saída da autoestrada
Ao contornar a rotunda
parece-me ver o olho de uma toupeira
entre um montículo de terra
Quando caminho na rua
as andorinhas voam tão baixo
que quase me tocam

Podem não acreditar
mas eu estou a ser perseguido
nem que não seja
pela ideia da perseguição

PML

Partilha

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here