914
0
COMPARTILHAR
Inicio Do Porto Carla Boehl, ...

Carla Boehl, 36 anos

Carla Boehl, 36 anos

0
914

CARLA Boehl é licenciada e Engenharia Civil pela Faculdade de Engenharia da U.Porto (FEUP) e fez o mestrado e o doutoramento na Universidade de Estugarda, na Alemanha. Nasceu em Viana do Castelo, trabalhou para a Comissão Europeia, fez investigação na Alemanha e nos Estados Unidos, trabalhou na McKinsey, uma das melhores firmas de consultoria do mundo, e está, actualmente, a residir na Austrália. Este prémio vem reconhecer o trabalho realizado nos últimos quatro anos no estado de Queensland, nomeadamente nas empresas ‘Townsville Water’ e ‘WA’s Water’, para além de enaltecer o esforço desenvolvido por todas as mulheres na Indústria das Águas na Austrália. O prémio é atribuído em honra de Nancy Mills (pioneira australiana em Microbiologia) que galardoa projectos, produtos, iniciativas e/ou serviços, com elevada relevância, desenvolvidos por mulheres nesta indústria.

Enquanto estudante da FEUP, Carla Boehl  fundou e presidiu o BEST LBG Porto (Board of European Students of Technology  Local BEST Groups). Recorda-se que o primeiro escritório do BEST foi numa “sala muito pequenina sem janela, abandonada pela Tuna” que ela recuperou. “O primeiro contacto foi estabelecido com o BEST Lisboa (grande Manuel Tiago!!) que me convidou para um encontro com o BEST Coimbra (grande Vítor Santiago Nunes!!) e estes últimos acabaram por se tornar os padrinhos de BEST Porto. Foi na Hungria, eu estava nervosíssima, a primeira vez que o apresentei em inglês, mas o objectivo foi alcançado”. Lembra que, “na altura o director da FEUP era o actual reitor da U.Porto, José Marques dos Santos”, e que “a ele devo muito pois foi ele que patrocinou a minha viagem a Hungria (e depois a AGM na Bélgica) e pagou a divida do Iberian Meeting (não conseguimos arranjar patrocínios suficientes e ele cobriu as despesas). Diz que aprendeu muito com o BEST. Coisas que “ficam para vida”.

Carla Boehl exerce actualmente funções na empresa ‘Rio Tinto Iron Ore’ com especialização em águas, hidrocarbonatos e gestão de activos. É também Vice-presidente do ‘Comité para as mulheres na engenharia’ da Ordem dos Engenheiros da Austrália. Venceu o concurso «Prémios Talento 2010» na Categoria Profissões liberais, promovido pelo Director Geral dos Assuntos Consulares e Comunidades Portuguesas.

– Da sua experiência na U.Porto, recorda-se do que mais a agradou?

Do associativismo académico. A certa altura encontrei-me nos cargos de Vice-Presidente da AEFEUP, Representante da FEUP no CRIEUP/Erasmus Student Network –Porto e Fundadora e Presidente do BEST LBG Porto.

– Do que menos gostou?

De apenas existirem Residências Universitárias para alunos bolseiros.

– Alguma experiência marcante que queira partilhar?

O que aconteceu no Porto, fica no Porto.

– Uma ideia para melhorar a Universidade do Porto?

Educação à distância.

– Como prefere passar os tempos livres?

Com os meus filhotes e o meu marido.

– Um livro preferido?

Gente Independente, romance do islandês Nobel da Literatura Halldór Laxness.

– Um disco preferido?

Hôtel Costes do DJ francês Stéphane Pompougnac (Lounge Music).

– Um prato preferido?

Coelho assado no forno.

– Um filme preferido?

Dogville dirigido pelo dinamarquês Lars von Trier, com influências teatrais.

– Uma inspiração?

A memória da minha avó materna.

– Um objectivo de vida?

Ser simplesmente eu própria.
http://www.awa.asn.au/AWA_Awards_Finalists.aspx

in http://noticias.up.pt/

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here