67
0
COMPARTILHAR
Inicio Dicioporto Canto à cal

Canto à cal

Canto à cal

0
67

Com cem marteladas e mil golpes
sacam-se das entranhas da montanha.
Que te importa que te queimem
as mais vivas chamas
e que te façam em pó!
O importante para ti
é deixar constar para sempre
o quento és limpa e pura.

Tradução de Adelino Ínsua in Quinhentos poemas chineses, Nova Veja, 2014, página 269

COMPARTILHAR
Artigo anteriorSaudade
Próximo artigoFalcão

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here