“Suenos de la mujer-pájaro” por Antonia Mayol Castelló

/ 728 leituras
(Metamorfosis inconclusa) El viento en su pelo, acaricia...

Quem é você?

/ 545 leituras
Quem é você, que no verão me deixa morta de frio, no outo...

Olá, meu querido!

/ 646 leituras
Descobri coisas importantes nesta viagem, vivenciei muitas ...

A Carolina

/ 556 leituras
Nunca seria como a Carolina, ela é muito boa- zinha e eu s...

O colchão

/ 513 leituras
Na ginástica, eu chorei: um colchão caiu em cima de mim. T...

Problemas

/ 735 leituras
problemas jóvenes PUEBLO humanos Por Jesús Morales, qu...

Mãe e pai

/ 628 leituras
Mãe e pai espero que esta vos encontre de saúde. Eu por...

A vida da fonte de vida

/ 488 leituras
Órgão de muitas pessoas, Nasce, se solta e nada sozinho, E...

A amiga

/ 504 leituras
Ontem, fui a casa da minha amiga e ela caiu. Ajudei-a. Que...

A piada

/ 565 leituras
O João contou uma piada ao Manuel, ele disse "Que piada s...

A minha prima

/ 539 leituras
Ontem fui a casa da minha prima Micaela, tem seis anos arm...

Gotas de saudade

/ 591 leituras
Enquanto debulhava o milho, falava do seu país. Os grãos qu...

És a vida e o tempo

/ 603 leituras
Baptizei o tempo com o teu nome, pois existes em mim antes ...

As escamas do tempo

/ 605 leituras
ESTRADA fora, lembrando-me das saias das raparigas E o bom ...

A fama

/ 533 leituras
No fim de semana, eu e a Ana Luísa brincamos com uma aplic...