Amor

/ 425 leituras
2. só espero lucros no amor. Por Antero de Alda, in a re...

Andorinha(s)

/ 718 leituras
4. Na Primavera o sol faz o ninho no beiral da minha cas...

Açude

/ 438 leituras
2. Vocábulo inventado pelos árabes capaz de desembravecer...

Água(s)

/ 561 leituras
10. água que agrada não molha. 9. Águas bondosas não...

Agapantos

/ 617 leituras
1. por todo o lado explodem os agapantos... É como se foss...

Andar

/ 78 leituras
Andar a pé afugenta os espíritos ruins, quanto mais longa fo...

Amigo(s)

/ 529 leituras
2. Aos amigos não se empresta, devolve-se. Por Francisco...

Abutre

/ 628 leituras
Desodorizante natural, invalida os cheiros dos animais mor...

Ave(s)

/ 480 leituras
3. As aves habitam nos beiras como príncipes destronados....

Amar

/ 364 leituras
2. verbo cheio de água salgada. Francisco Duarte Mangas ...

Abril

/ 646 leituras
Mês de um só dia. Francisco Duarte Mangas publicado in di...

Amanhecer

/ 72 leituras
Lento e húmido como um caracol aproxima-se o amanhecer. F...

Água

/ 64 leituras
Como é cega a água, e tão carente de memória. Francisco D...

Alma

/ 536 leituras
2. quando a alma aquece, evapora-se o frio do corpo. Fra...

Automóvel

/ 61 leituras
Renegamos a marcha bípede: o automóvel atropelou-nos a heran...