195 Leituras
0
COMPARTILHAR
Ilídio Sardoe...

Ilídio Sardoeira (1915-1987)

Um fruto em cada célula de mim
Ou do que nem se disse quando verbo 

§

Como barco perdido entre marés
Também me fui perdendo e encontrando 

Deixe aqui o seu comentário!

Protected by WP Anti Spam