87 Leituras
0
COMPARTILHAR
A minha voz (...

A minha voz (II)

A minha voz
Inda é silêncio
Amorfa ideia, um susto.

De palavra sem forma
Letra vazia que adorna
Um soluço molhado
Carimbando as entranhas.

Por Josafá de Orós, que vive em Campina Grande, Paraíba, Brasil.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorO hai kai
Próximo artigoMoradas

Deixe aqui o seu comentário!

Protected by WP Anti Spam