Início » Arquivos
Limbo de Ramón por Constança Araújo Amador
[18 Ago 2017 | Comentar | ]
Limbo de Ramón por Constança Araújo Amador

– No Limbo todos os dias são Domingo.
Por Ramón Gómez de la Serna, publicado in Greguerías, seleção e tradução de Jorge Silva Melo, 1.ª edição, Assírio & Alvim, 1998, página 57.
Ilustração de Constança Araújo Amador
artist | illustrator
website: www.aconstanca.com
facebook: www.facebook.com/aConstanca
online store: http://aconstanca.tictail.com/
*
A greguería nasceu naquele dia de cepticismo e cansaço em que peguei em todos os ingredientes do meu laboratório, asco a asco, os misturei, e do seu precipitado, depuração e dissolução, surgiu a greguería – diz no Prefácio de 1960. Porque se chamam Greguerías?
Quando encontrei o género, dei-me conta que tinha que procurar uma palavra que não …

Lugares-comuns (2)
[15 Ago 2017 | Comentar | ]
Lugares-comuns (2)

– Only a rat win a race rat.
Inscrito em fachada sita na Rua das Oliveira, Porto.

AVISO: De acordo com o nosso projeto, tendo em conta que os grafites desfeiam as cidades, sempre foi nossa intenção não promover nem divulgar imagens relativas àqueles ou aos seus autores.
Contudo, considerando que não podemos ficar indiferentes a esta manifestação de cultura urbana, em especial a inscrição de certas expressões (versos, aforismos, palavras de ordem, desabafos) nas fachadas e muros dos prédios (a relevância literária em muitos casos é discutível), decidimos abrir uma exceção e criar uma …

Hélder Magalhães (1982)
[15 Ago 2017 | Comentar | ]
Hélder Magalhães (1982)

a saudade vem / nuvem por entre os azuis / por vezes chove / uma fome do íntimo / nocturno / aceso no teu rosto.

Álvaro Costa, 57 anos
[14 Ago 2017 | Comentar | ]
Álvaro Costa, 57 anos

HOMEM da rádio e da TV. Apresentou programas como a “Liga dos Últimos” ou o “Via Rápida”. Em novembro, sofreu um AVC, do qual recupera com grande fôlego. Integra a lista de Rui Moreira à Câmara do Porto como suplente
1. À beira da morte todos os clichés deixam de ser ridículos?
À beira da morte, queremos é viver…
2. Um susto pode mudar-nos ou nós nunca mudamos e passamos apenas 
a estar mais vigilantes?
Pensava muitas vezes nisso, quando ouvia a canção dos Blue Oyster Cult, ‘Don’t Fear The Reaper’… O Ceifeiro ou …

Pumba! Pumba!
[14 Ago 2017 | Comentar | ]
Pumba! Pumba!

NOTÍCIA: Seis homens agrediram o dono do café Pinto, em Travanca, Amarante, no sábado de manhã. Queriam mais salpicão e, como não havia, bateram-lhe e destruíram o café. Fugiram sem pagar o que tinham já consumido e deixaram Alfredo Pinto em pânico. Homo Onomatopaico: Pumba! Pumba!

Se sabe ou desconfia o que o HOMO ONOMATOPAICO pensa sobre certos acontecimentos do quotidiano pode enviar esse pensamento para geral.correiodoporto@gmail.com para eventual publicação.

Luís Veiga Leitão (1912-1987)
[14 Ago 2017 | Comentar | ]
Luís Veiga Leitão (1912-1987)

O sábio das coisas simples / olhou em torno e disse: / não há profundidade / sem superfície

Comer com amigos
[14 Ago 2017 | Comentar | ]
Comer com amigos

SOBRE A AUTORA:
RAQUEL Sem Interesse nasceu na freguesia de Pedrouços, no concelho da Maia, aí continuando a viver. Assume-se como cartunista. É autora das Histórias Sem Interesse onde nos conta as peripécias de Quica e dos seus amigos… vá, de quem a atura! São tiras de conteúdo autobiográfico, baseando-se na sua experiência pessoal. Nelas se reflete o seu dia-a-dia, que gira (lido no sentido literal quando viaja) entre o local de residência e a cidade do Porto. Portanto, é de todo o interesse ler as Histórias Sem Interesse para ficar a conhecer melhor a …

Peso da Régua
[14 Ago 2017 | Comentar | ]
Peso da Régua

O ciclo das encostas na gravidade das margens,
derrama poesias às folhas, no comprimento do rio.
São paisagens em películas gravadas à tona
ou a água forte nas escalas, dos sedimentos profundos.

SOBRE O AUTOR:
Óscar Possacos (1962) é natural de Sendim da Ribeira, Alfândega da Fé. Por ora vive em Paredes. Com formação inicial em arquitetura exerce a atividade de professor de educação visual. E é poeta. Publicou “Lugar Quebrado” em 1982 e “Húmida Viagem” em 1984, tendo esta última obra poética sido distinguida com o Prémio Nacional Juvenil Ferreira de Castro. Recentemente deu à …

Edweine Loureiro (1975)
[13 Ago 2017 | Comentar | ]
Edweine Loureiro (1975)

Amigos, pela segunda vez, obtive o Primeiro Lugar no concorridíssimo Prêmio Escambau de Microcontos; tornando-me um dos maiores vencedores da história do concurso, que já se encontra em sua quarta edição. →

SOBRE O AUTOR:
EDWEINE LOUREIRO nasceu em Manaus em 20 de setembro de 1975. É advogado e professor de idiomas, residindo no Japão desde 2001. Premiado em concursos literários no Brasil e em Portugal, é autor dos livros “Sonhador Sim Senhor!” (2000), “Clandestinos” (2011), “Em Curto Espaço” (2012), “No mínimo, o Infinito” (2013) e “Filho da Floresta (2015), os dois últimos vencedores, …

N
[13 Ago 2017 | Comentar | ]
N

O N era a letra de embalar por excelência. Naturalmente modesto e até um pouco néscio, ambicionava arredondar-se para ocupar menos lugar. E também para instilar sonambulismo no mundo à sua volta, evitando assim ter de encarar com ângulos agudos e casos bicudos. Como os seus desejos não viravam realidade, o N foi-se tornando primeiro simples noctívago, a seguir boémio impenitente. Começou a negligenciar os seus trabalhos de embalo e baby-sitting, e muitas vezes era trazido ao colo para casa porque bebia até cair. O álcool não fazia dele uma …

José António Gomes (1957)
[13 Ago 2017 | Comentar | ]
José António Gomes (1957)

Há uns dez a quinze anos, poder ficar no Porto ou em Lisboa, durante o mês de Agosto, era um luxo, pelo menos para alguns. Em certos bairros, a certas horas, a cidade tinha um ar despovoado; respirava-se melhor; o trânsito regredia. →

Certas vidas davam um romance. Seguramente um ou mais daria a da roqueira Rita Lee Jones (n. 1947), filha de imigrantes (pai de origem norte-americana, mãe de ascendência italiana). →

 O centro do mundo, desta feita, só pode deslocar-se para Lisboa e para a sua insubstituível Feira do Livro (1 a 18 de …

Teo – o cão pastor (359)
[13 Ago 2017 | Comentar | ]
Teo – o cão pastor (359)

Publicado por Lina & Nando

Humor ao alto (XLVI)
[13 Ago 2017 | Comentar | ]
Humor ao alto (XLVI)

Publicado por Augusto Baptista in azul-canário e in Opus 4, edição da Associação dos Jornalistas e Homens de Letras do Porto, outubro de 2014, página 322.

Pedro Estorninho (1974)
[12 Ago 2017 | Comentar | ]
Pedro Estorninho (1974)

As tardes ardem lentamente. / Não passam ou se gastam, / simplesmente ardem.